Cidade usa cobras plásticas para afugentar pássaros

quarta-feira, novembro 21, 2007

Phil Mercer

21/11/2007
10h42 (13h42 GMT)

Cobras de plástico estão sendo usadas para tentar afungentar dezenas de milhares de pássaros que invadiram uma pequena cidade na Austrália.

As aves, conhecidas popularmente como estorninhos, são de uma espécie européia caracterizada por um bico reto e delgado, cauda curta e quadrada e plumagem negra ou escura.

As autoridades em Tamworth - situada 420 km ao norte de Sydney - usaram, sem sucesso, canhões de água e redes para tentar espantar os pássaros.

Elas esperam, agora, que as cobras de plástico coloridas consigam pôr fim a meses de luta.

Tamworth é a sede do festival de música country mais famoso da Austrália.

Milhares de estorninhos se instalaram na cidade, atraídos por árvores que ladeiam uma das ruas principais.

O prefeito de Tamworth diz que os excrementos de cheiro desagradável tornaram-se um problema sério.

Deixe seu carro sob uma das árvores por uma hora quando for às compras, disse o prefeito, e você provavelmente não o reconhecerá quando voltar.

A última arma na luta entre homens e pássaros são cobras plásticas de cores rosa, laranja, verde e preto, que estão sendo amarradas aos galhos das árvores.

As autoridades acreditam que haja boas chances de que os estorninhos sejam afugentados.

Não que existam fortes evidências científicas nesse sentido, mas a situação está ficando claramente desesperadora.

Além dos canhões de água e redes, também foram usados luzes pisca-pisca e sons emitidos por alto-falantes.

Se as cobras falsas não funcionarem, já há sugestões de que os visitantes possam ser convencidos a mudar de paisagem se as árvores forem cobertas com redes de algodão ou se for usada uma neblina artificial para desorientar as aves.

Ainda não há planos de trazer atiradores com boa pontaria para dar conta do recado.

1 comentários:

Amorosa disse...

Oi, amika! Essa é boa, mudei meu template quinta-feira, hoje estou visitando o seu e vi que é igualzinho! Eita, é plágio! Glup!