sexta-feira, fevereiro 15, 2008

"Eu mudei minha cabeça, minha auto-estima e essa idéia de 'menina boa' ou 'menina má'. Se você trai seu marido ou comete um assassinato, isso é ruim. Um cookie é apenas um cookie. Cansei de brigar comigo mesma. Agora vivo a minha vida e não enlouqueço mais. As pessoas devem perguntar a si mesmas: 'O que não está me fazendo feliz?' Minha história é uma história de esperança que talvez possa ajudar outras pessoas. Cada um deve se tornar seu próprio modelo e ter sua própria imagem"

Emme, em seu livro True Beauty (no livro Segredos da Gordinha Feliz)

4 comentários:

carolinabehr disse...

Essa bateu forte!! Tathy, concordo plenamente. Chega de tentar atender a expectativa que os outros projetam em nós mesmos ou de pensar em estar se fazendo. Em vários sentidos....pirei....A vida fica diferente quando deixamos de "tentar ser" o que as outras pessoas gostariam que fossemos. O que muitos chamam de personalidade forte ou gênio difícil, garantem uma certa paz de espírito e atenticidade.

Ana Silvia disse...

Áííííí, Carol Behr!
Falou e disse! rsrs

Posso dizer o oposto, Thaty?
Passei minha vida inteira magricela, tendo o doce apelido de rodovia "Belém-Brasília, comprida e mal acabada". Hoje eu ainda acho que tem coisa "dimenas" no meu corpo (pouca bunda, pouco peito, pouca coxa) mas eu numtoneiiim aí! rsrs

Márcia disse...

Querida Thaty

Só conseguimos ser felizes achando a felicidade dentro de nós mesmas... isso se aplica a todos os campos da nossa vida... vamos combinar uma coisa??? Nosso objetivo deve ser: SER FELIZ e com isto fazer aqueles que amamos felizes também.
Beijoca procê

Márcia disse...

Querida Thaty

Só conseguimos ser felizes achando a felicidade dentro de nós mesmas... isso se aplica a todos os campos da nossa vida... vamos combinar uma coisa??? Nosso objetivo deve ser: SER FELIZ e com isto fazer aqueles que amamos felizes também.
Beijoca procê