Para os meus amigos

segunda-feira, outubro 31, 2005

Acho mel tão gostoso
Você acha horroroso
Mas gosto de você, você de mim

Gosto de andar descalço
Você não faz o que eu faço
Mas bons amigos vivem bem assim

Você se perde dos seus pais
O sorvete as vezes cai
Nossa amizade vai continuar

Eu me amarro em mostarda
Você acha enjoada
Mas gosto de você, você de mim

Eu gosto de fazer faxina
Isso nunca te fascina
Mas bons amigos vivem bem assim

O cavalo se machuca
Alguém perde a peruca
Nossa amizade nunca vai morrer

Tão gostoso é pescar
Você só pensa em brincar
Mas gosto de você, você de mim

Gosto de uma soneca
Você quer jogar peteca
Mas gosto de você, você de mim
Eu gosto de você, você de mim

Tirado do dvd "Hora de dormir" do "Urso na Casa Azul", que é exibido exaustivamente aqui em casa pelo baixinho.

2 comentários:

Márcia disse...

Ai, que lindo! Adorei!

Dai disse...

o lado lúdico da vida, não? beijos...